Saiba antes de partir: Vacinas de viagem


11 de Abril de 2017
 

Parabéns pelo seu novo emprego e por decidir passar um tempo trabalhando no exterior!

Ter uma experiência de vida em outro país é uma oportunidade entusiasmante, porém também pode ser intimidadora, especialmente se for a primeira vez que você viaja ao exterior. Há muitas coisas que você deve saber antes de partir, especialmente em relação à vacinas. 

A sua saúde é realmente a sua fortuna, especialmente quando você trabalha distante de sua família, amigos e de sua rede de suporte usual. Dependendo do local do seu novo emprego, podem haver doenças e enfermidades às quais as suas vacinas atuais não o protegem. Se você se mudar para um país tropical, também pode haver o risco de malária.
Algumas vacinas levam de quatro a seis semanas para serem ativadas, portanto certifique-se de marcar uma consulta com antecedência à dada da viagem.
Há algumas coisas a serem consideradas quando você planejar as suas vacinações.
 
  • Já que muitas delas devem ter sido lhe dadas quando era um bebê, isso pode levar algum tempo para pesquisar:
  • Pesquise registros médicos
  • Pergunte aos seus pais ou irmãos
  • Verifique com o seu médico de família

Pense sobre qualquer vacinação que você possa ter recebido antes de visitar países tropicais em suas férias. Talvez estas ainda estejam ativas ou apenas precisam de um reforço.

Rotina: as vacinas que você deve ter recebido quando era bebê; como por exemplo, sarampo e caxumba.

Necessário: O que você sabe que precisa para o destino para onde você está viajando; por exemplo, febre amarela.

Recomendável: qualquer outra vacina que o seu médico recomenda para o destino em questão.  

É recomendável que todas as pessoas viajando para países em desenvolvimento, tropicais ou locais remotos tenham uma combinação básica de vacinas que a protejam contra doenças que podem ser mais predominantes no determinado local.  Isto inclui:

  • Tétano
  • Hepatite A
  • Tifóide

As vacinações necessárias dependem do país para o qual você está viajando. A Organização Mundial de Saúde fornece uma lista compreensiva de países e vacinas obrigatórias em sua página web. Se você viajar a um país com febre amarela, você terá que apresentar um certificado que comprove que você foi vacinado para poder entrar no país. 

A tabela abaixo lista as vacinas recomendadas e necessárias, bem como se medicação contra malária é necessária, em alguns dos destinos mais comuns de expatriados:

Swipe to view more

País

Vacinações

Medicamentos para Malária

China

Tétano
Hepatite A
Tifóide
Certificado de vacinação contra a febre amarela

A OMS registra transmissão de malária em algumas áreas deste país Consulte o seu médico

Índia

Tétano

Hepatite A
Tifóide
Poliomielite
Certificado de vacinação contra a febre amarela

Sim

Malásia

Tétano
Hepatite A
Tifóide
Certificado de vacinação contra a febre amarela

Sim

África do Sul

Tétano
Hepatite A
Tifóide

A OMS registra transmissão de malária em algumas áreas deste país. Consulte o seu médico

Catar

Tétano
Hepatite A
Tifóide

Não

Emirados Árabes

Tétano
Hepatite A

A OMS registra transmissão de malária em algumas áreas deste país Consulte o seu médico

Enquanto vacinações são muito bem sucedidas para prevenir muitas doenças, a Organização Mundial de Saúde diz que raramente elas protegem 100% dos vacinados.  Portanto, ainda é importante evitar situações que lhe coloquem em alto risco, como por exemplo consumir água ou comida que potencialmente podem estar contaminadas.  Se você não se sentir bem enquanto estiver no exterior, garanta que você possa ter acesso ao melhor atendimento médico possível com um seguro internacional de saúde abrangente. Oferecemos uma gama de apólices que devem atender às suas necessidades. Para saber mais entre em contato conosco. Será um prazer responder às suas questões.