Aviso: Você está usando um navegador desatualizado. Mude para um navegador mais moderno, como Chrome, Firefox ou Microsoft Edge. (Abrir no Edge)

mulher usando celular no sofa


Como se livrar de
um mau hábito


04 de Janeiro de 2022
 

Seis dicas para você acabar com ele de uma vez por todas.
Todo mundo tem um hábito ruim do qual adoraria de livrar, como fumar, assaltar a geladeira tarde da noite, passar tempo demais no sofá, comer porcarias, roer as unhas ou não desgrudar os olhos do Instagram.

Sem perceber, assumimos comportamentos e nos envolvemos em ações automáticas todos os dias. Esses comportamentos são os chamados hábitos. Como os hábitos se formam somente com prática e repetição, temos que usar a mesma estratégia para nos livrar deles.

Como se diz por aí, “mudar velhos hábitos é difícil”, e essa afirmação tem um fundo de verdade. Enquanto alguns estudos afirmem que é preciso 21 dias para se livrar de um hábito, às vezes pode levar meses, ou até mesmo anos. Acabar com um hábito ruim pode ser complicado, principalmente se ele faz parte da nossa vida há muito tempo. A boa notícia é que, sim, é possível se livrar de um mau hábito – com muito trabalho, dedicação e um plano de ação.

Experimente essas seis dicas para acabar com um mau hábito de uma vez por todas. 

O primeiro passo para se livrar de um mau hábito é entender como ele funciona. Sejam bons ou ruins, os hábitos seguem um padrão de três etapas conhecido como “ciclo do hábito”. Primeiro, aparece um gatilho ou “deixa” que aciona o comportamento. Depois, vem a rotina, que é o comportamento propriamente dito. Por fim, surge a recompensa, que é o sentimento de gratificação que você tem ao exercer esse comportamento. 

Gatilho: você está estressado; rotina: você pega uma garrafa de vinho; recompensa: você se sente relaxado e feliz. A ligação entre o gatilho e a rotina é reforçada quando você embarca nesse comportamento. E, com a repetição, a ligação se torna cada vez mais forte e fica registrada no seu cérebro.  

Agora que você sabe como os hábitos se formam, vamos ver como podemos mudá-los. Se você quer se livrar de um mau hábito, precisa saber o que desencadeia esse comportamento. Toda vez que você se flagrar com esse hábito ruim, experimente se perguntar por que está fazendo isso. Tente identificar se há situações específicas que acionam esse mau comportamento. Anote certos dados que podem ser úteis, como horário, local e a emoção associada ao mau hábito. 
Pesquisas mostram que a melhor maneira de se livrar de um hábito ruim é substituí-lo por um bom. Por exemplo, trocar o café pelo chá verde pode ser mais fácil que largar o cafezinho de vez. Em vez de beber uma taça de vinho, pegue um copo de água com gás. Ou, se bater aquela vontade de fumar um cigarro, tente sair para dar uma corrida rápida. A ideia aqui é ter uma alternativa também prazerosa preparada para quando você sentir falta do hábito antigo. 
Uma boa maneira de se motivar a mudar de hábito é usar incentivos ou recompensas para o sucesso. Estabeleça um objetivo por semana e, quando conseguir chegar lá, comemore com uma recompensa. Saber que existe um prêmio à sua espera vai motivar você a seguir o plano à risca e se livrar do hábito.
É muito mais fácil eliminar um mau hábito quando se conta com a ajuda de uma rede de apoio. A família e os amigos são um auxílio inestimável na hora de se livrar de comportamentos tóxicos. Se você estiver enfrentando dificuldades, eles podem oferecer a força e a motivação de que você precisa para se manter no caminho certo. Outra ótima ideia é fazer uma parceria com alguém que tenha o mesmo objetivo ou que esteja tentando se livrar do mesmo hábito. 

Mesmo quando se tem as melhores intenções, os lapsos acontecem. Não desista se der uma escorregada no caminho. A melhor abordagem é ter um plano para voltar ao caminho certo. Quando mais oportunidades você se der para continuar tentando, maiores são as chances de acabar com um hábito ruim. A boa notícia é que, se você insistir, os novos comportamentos se transformarão em hábitos também.

Dê um passo por vez. Mesmo que dê trabalho sair para correr pela manhã, comer mais legumes ou passar menos tempo em frente às telas, é capaz que você se surpreenda e goste da mudança. 

Precisa de uma ajuda extra para se livrar de um mau hábito? Com o nosso Programa de Assistência ao Expatriado (PAE) você pode ter a certeza de que, aconteça o que acontecer, vai receber apoio a qualquer hora e em qualquer lugar. Com o PAE, você tem acesso a uma série de serviços, incluindo aconselhamento profissional, conteúdo personalizado sobre bem-estar e dicas em podcasts e em formato de áudio.